Marketing de conteúdo: você sabe o que é e como aplicar?

Você ainda não usa o marketing de conteúdo no seu negócio? Então, prepare-se para mudar essa realidade a partir de hoje! Esse é um dos conceitos que revolucionou o processo de vendas no mundo online nos últimos anos, e definitivamente sua empresa não pode ficar de fora!

Mas se você ainda não sabe o que é o marketing de conteúdo e como aplicá-lo, continue a leitura. Vamos explicar os primeiros passos para quem quer investir nessa estratégia e potencializar seus lucros.

O que é marketing de conteúdo?

De forma bem resumida, o marketing de conteúdo proporciona o conhecimento que o consumidor precisa para avançar pelas etapas do funil de vendas, levando-o à decisão de compra. Portanto, ele proporciona informações relevantes, de acordo com as necessidades da persona.

Em um primeiro momento, o marketing de conteúdo ajuda a persona a identificar seu problema. Em seguida, ele mostra as diversas soluções que o mercado oferece, com seus prós e contras. Enfim, ele destaca os diferenciais do negócio, mostrando as vantagens que a marca proporciona.

Aqui no blog, nós já publicamos uma série de artigos sobre marketing de conteúdo. Nesta página, selecionamos os principais posts para você se aprofundar nesse conceito.

Como aplicar o marketing de conteúdo em seu negócio?

Porém, neste artigo nós daremos ênfase à parte prática, aos primeiros passos para quem precisa aplicar esse conceito no próprio negócio. Então, vamos lá?

1. Defina sua persona

Qualquer ação de marketing que não tenha como foco a persona tem grandes chances de desperdiçar dinheiro. Por isso, o primeiro passo é definir esse cliente semi-fictício, que mostra quais são as características do público que sua empresa precisa atingir.

2. Defina os canais

O estudo da sua persona mostrará quais são os canais em que sua empresa precisa estar. Afinal, não adianta publicar para um grupo de pessoas completamente diferente do seu cliente típico. Concentrar-se em um público semelhante ao seu trará mais resultados a curto prazo.

3. Conheça o funil de vendas

Marketing de conteúdo não é simplesmente publicar inúmeros artigos. Portanto, deve haver uma intencionalidade nos posts ou vídeos, de acordo com as dores, dúvidas, desejos e dificuldades que sua persona enfrenta ao longo da jornada de compra.

Com base na experiência dos seus clientes, faça um levantamento sobre os questionamentos que as pessoas apresentam nas diferentes etapas do funil de vendas. Então, programe seu conteúdo de acordo com essas dúvidas ou problemas apresentados.

Lembre-se de que, no topo do funil, sua empresa precisa tratar dos assuntos que levam a pessoa a fazer uma busca no Google. Nesse ponto, você não falará do seu produto ou serviço, mas apenas responderá às dúvidas da persona sobre esses temas.

No topo, sua empresa pode tanto falar do por que aquele problema existe ou de possíveis soluções que o mercado apresenta. Porém, você não citará o seu produto e nem as marcas concorrentes.

4. Foque no topo, mas não esqueça o fundo

Porém, depois de ter trabalhado bem o topo, não se esqueça do meio e do fundo do funil. Embora eles correspondam a apenas 20% do seu conteúdo, eles devem ser bem trabalhados.

É nessas etapas que você vai divulgar conteúdo sobre as vantagens da sua empresa e sobre os concorrentes do mesmo setor. Por isso, use depoimentos dos seus atuais clientes e feche com chave de ouro divulgando condições especiais ou promoções.

Com planejamento e execução precisos, o marketing de conteúdo não tem erro: ele garante excelentes resultados! Não sabe como começar? Fale com nosso time de especialistas e eles ajudarão você a alavancar seu faturamento com essa estratégia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *